Centro de Reabilitação

 

 

A reabilitação é um domínio particularmente sensível e carente de oferta na nossa área de intervenção, os concelhos de Almada e Seixal. Sem rodeios, mas com a noção das responsabilidades que daí advém, sempre foi prioridade da APCAS a construção de um Centro de Reabilitação que dê respostas cabais às crianças e jovens com paralisia cerebral e doenças neurológicas afins. A realidade mais crua resume-se numa oferta limitada no tempo e na idade das crianças, por parte do Centro de Desenvolvimento da Criança do Hospital Garcia de Orta. Torna-se vital procurar respostas que proporcionem a estas pessoas um acompanhamento efetivo, alargado, multidisciplinar e seguro para o futuro. A inércia das últimas décadas levou a que o problema se avolumasse e agora não podem restar dúvidas sobre o caminho a tomar.

Foi reconhecido, pela Plataforma Supraconcelhia da Península de Setúbal (entidade que congrega todos os municípios, Segurança Social, Ministério da saúde, Ministério da Educação, Governo Civil, Instituições, etc), como um equipamento urgente e imprescindível. Será um projeto que congregará as mais variadas valências e campos de intervenção terapêutica, que proporcionará técnicas terapêuticas modernas e adequadas a cada indivíduo, que fará a ponte para a integração comunitária sem acarretar encargos excessivamente onerosos às famílias.

Temos um terreno, cedido pela Câmara Municipal do Seixal, em Corroios, com 2400m2, desde 2007. Não será hora de o ver edificado? Não será hora de responder eficazmente a esta população? A APCAS continuará a bater-se para o Centro de Reabilitação seja uma realidade.

 

A nossa perseverança supera todos os obstáculos, passo a passo, chegaremos ao momento em que o Centro de Reabilitação se afirmará como real e como referência nacional